JANEIRO TERAPÊUTICO

O ano terapêutico começou lentamente, mas Janeiro ainda tem muito ruído para dar!

 
Kro foto2
Zarabatana foto

 Este sábado (17 Jan.) às 19h a ATR regressa à Zaratan para o segundo concerto do ciclo Pós-Go com actuações do artista noise francês krodelabestiole e dos Zarabatana, trio lisboeta de “dirty garage world jazz” que aproveita a ocasião para apresentar a cassete  “Fogo na Carne”, acabada de lançar pela enorme A Giant Fern! (mais info em baixo)

HHY &THE MACUMBAS_Photo by Ruddy CandillonE para essa mesma noite (sáb 17 Jan.) a ATR sugere uma ida ao Musicbox, onde a partir da meia-noite os HHY & The Macumbas irão invocar os seus rituais voodoo-dub, em jeito de apresentação do recentemente editado “Throat Permission Cut”! (mais info aqui)     

rita draper frazãoEntretanto na quinta-feira (15 Jan.) às 19h na Zaratan, onde até dia 18 pode continuar a ser vista a exposição “Estudo sobre Percurso e Colisão” de Yaw Tembe (um dos membros dos Zarabatana), há a inauguração da exposição “Durante o Todo e o Oco” da artista Rita Draper Frazão, que convidou os músicos Maria Radich, Luís Vicente e João Madeira para uma sessão de música improvisada! (mais info aqui)

E na próxima semana (sáb. 24 Jan.) a ATR e o Bartô voltam a receber os espanhóis Raisa e o seu flamenco-noise psicadélico, que vêm a Portugal antecipar o seu segundo álbum “Negra” e que partilharão o palco (neste caso tanque) com os novíssimos Juan Inferno, recém-estreada banda chunga-flamboyant! (mais info em breve)

E para além deste concerto imperdível, os Raisa tocarão também no dia anterior (sex. 23 Jan.) na Casa da Cultura em Setúbal pelas mãos da Experimentáculo e no dia seguinte (dom. 25 Jan.) na Estudantina Recreativa em São Domingos de Rana num evento organizado pel’A Besta, onde para além de alguns projectos deste colectivo/editora, a ATR estará presente com os seus dOISsEMIcIRCUITOSiNVERTIDOS, projecto paralelo de improvisação electro-acústica dos infames dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS (aka dSCi), com o seu indomável Catapulta e com a sua distro! (mais info em breve)

Mas o Janeiro terapêutico não acaba aqui! No dia 30 de Janeiro (sexta-feira) os dSCi  participarão no “Com um V na Volta”, um concerto de homenagem a Vítor Ribeiro (aka Maçariku) que decorrerá na Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul e que juntará diversos projectos amigos. E como costume a ATR regressará ao RDA69 no último sábado do mês (31 Jan.) para a sua residência mensal! (mais info em breve)

PÓS-GO II

PÓS-Go II

sáb. 17 Jan. 19h – krodelabestiole (fr) + Zarabatana (pt) @ Pós-Go IIZaratan – LISBOA

(Rua de São Bento, 432 / entrada: 3 euros)

ZARΛTAN é um artist-run space, um lugar de encontro para o pensamento crítico e experimentação artística interdisciplinar. Embora a sua actividade se inscreva sobretudo na área das artes visuais, a ZARΛTAN desenvolve uma pesquisa mais ampla que  estende e entre-cruza diferentes níveis do panorama da arte contemporânea.

PÓS-GO II

Em colaboração com a Associação Terapêutica do Ruído, a Zaratan desenvolverá uma programação musical regular de concertos experimentais, intervenções sonoras e outros ruídos que começou com o ciclo Pré-Go e que prossegue agora com o ciclo Pós-Go. Movido pelo desejo de intensificar as relações entre a música e as artes visuais, este ciclo dará continuação a um projecto específico de edições gráficas em parceria com a 1359.

krodelabestiole

Com os ouvidos destruídos por demasiados concertos de harshcrust e buldogrind, este verdadeiro terapeuta do ruído francês cedo abandonou qualquer pretensão musical. Remando alegremente no lodo do punk, prefere antes moer os seus tímpanos com um alfinete enferrujado. Em 1964 inventou o conceito de bateria electrónica ao espancar um computador. Muitos progressos foram feitos desde então, principalmente desde que aprendeu a ligar o computador.

Após uma breve ausência, krodelabestiole está de regresso a Lisboa, onde tem colaborado com diversos projectos e onde apresentará mais uma vez as suas experiências sonoras, desta feita a solo.

www.youtube.com/watch?v=3EPdGtleqfw

www.youtube.com/watch?v=LKMnzxxaQr0

Zarabatana

Os Zarabatana vêm à Zaratan apresentar “Fogo na Carne”, uma cassete acabada de editar pel’A Giant Fern, onde está bem demonstrada a originalidade deste trio lisboeta cuja sonoridade é assim descrita pelo jornalista e crítico musical Rui Eduardo Paes: «A música do trio Zarabatana apresenta-se como sendo “dirty garage world jazz”. À partida, parece um contrasenso, dado que as abordagens “garage” são específicas do rock e o que se define como “world jazz” é um jazz que procura mais claros enraizamentos etno do que aqueles que hoje contém. De um lado temos uma vertente urbana, ou talvez mais exactamente, suburbana, e do outro surge o apelo da floresta e da savana. Dir-se-ia que são mundos irreconciliáveis, mas quando ouvimos Yaw Tembe, Bernardo Álvares e Carlos Godinho tudo, subitamente, faz sentido.»

www.vimeo.com/115937018

www.soundcloud.com/zzarabatana