Para começar este ruidoso ano os infames dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS(dSCi) tocam este sábado (13 de Janeiro) em conjunto com os Cardíaco na primeira sessão do Concêntrico, um novo ciclo de música experimental e improvisada organizado pelo colectivo/editora A Besta e com curadoria de Rui Eduardo Paes que irá decorrer uma vez por mês na Estudantina de São Domingos de Rana e que nesta sessão incluirá também um duo da violoncelista e vocalista Joana Guerra com o baixista André Calvário! (+ info em baixo e aqui)

Na quarta-feira (17 de Janeiro) os infames dSCi estarão a fazer a sua segunda DIStapa, jantar que as várias bandas e grupos que ensaiam no Disgraça servem todas as quartas-feiras e que junta tapas veganas a projecções de filmes com o intuito de angariar fundos para a manutenção do espaço! Nesta sessão será “KUSO”, filme do músico norte-americano Steven Ellison, mais conhecido como Flying Lotus! (+ info em baixo e aqui)

E até ao fim do mês (em data e local a anunciar) haverá o lançamento de um novo single dos infames dSCi numa edição ultra-limitada em vinil com capas originais de 33 artistas! (+ info em breve)

13 de Janeiro | sábado | 21h30

dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS & Cardíaco (pt)
André Calvário & Joana Guerra (pt)

Concêntrico #1
Estudantina de São Domingos de Rana
Rua Dom Pedro de Mascarenhas, 267 – São Domingos de Rana
entrada: 5 euros

O Concêntrico é um ciclo (ou “círculo”, mais exactamente) de música experimental e improvisada que irá decorrer uma vez por mês, em forma de double bill, ao longo do ano de 2018 e tendo como base o espaço renovado da Estudantina de São Domingos Rana, no concelho de Cascais. O propósito é juntar os músicos e os grupos do colectivo A Besta com uma série de convidados, em combinações inéditas. Nas duas partes de cada sessão estarão sempre parcerias entre dois músicos e entre duas bandas (ou mais, quando os projectos forem individuais) a tocarem em conjunto. O nome Concêntrico deriva da disposição espacial dos set-ups, com os ditos músicos a actuarem em círculo e o público disposto à volta deles. Todas as performances serão documentadas em vídeo e colocadas online, com duas câmaras giratórias colocadas no centro do círculo.
A primeira sessão terá início com a associação num mesmo ensemble das bandas Cardíaco (A Besta) e dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS (Associação Terapêutica do Ruído), assim transportando para outro nível a velha cumplicidade que se tem estabelecido entre ambas: as duas formações já partilharam os mesmos palcos, mas nunca se tinha proporcionado este tipo de colaboração. Depois de intervalo, será a vez de ouvir e ver o duo da violoncelista e vocalista Joana Guerra (“Cavalos Vapor”, dupla com Gil Dionísio, Companhia João Garcia Miguel) e do baixista André Calvário (Signs of the Silhouette, Projéctil, Cardíaco).

“KUSO” (2017 – 94 mins.) é descrito por muitos como o filme mais nojento de sempre. Descreve uma sucessão de acontecimentos entre várias personagens que são os sobreviventes mutantes depois de um terramoto. Este filme demonstra não só a criatividade e imaginação do realizador mas também o seu lado humorístico. Uma verdadeira alucinação.
Advertisements