Este sábado (2 de Junho) há a estreia em Portugal da mítica banda norte americana The Conformists e o regresso ao nosso país do incendiário grupo barcelonês Decurs em mais um imperdível concerto no Disgraça! (+ info em baixo e aqui)

Entretanto HOJE (quarta-feira | 30 de Maio) os infames dSCi estarão a fazer a sua sexta DIStapa, jantar semanal que as várias bandas e grupos que ensaiam no Disgraça servem às quartas-feiras e que junta tapas veganas a projecções de filmes com o intuito de angariar fundos para a manutenção do espaço! Nesta sessão o filme será “A Bookshelf on Top of the Sky – 12 Stories About John Zorn” da realizadora alemã Claudia Heuermann e os dSCi aproveitarão também a ocasião para estrear o seu novo teledisco! (+ info em baixo e aqui)

2 de Junho | sábado | a partir das 19h30

The Conformists (us)
Decurs (es)

Disgraça
Rua da Penha de França, 217 – Lisboa
entrada: contribuições livres – mínimo 3 DIYs
jantar vegano benefit para a realização das Jornadas de Saúde Mental Antiautoritária pelo GO.S.A
Grupo de Grupo de Saúde Anti-autoritária

The Conformists são uma banda de rock experimental de St. Louis (E.U.A.) formada em 1996. Activos há mais de duas décadas e após várias mudanças de formação continuam a confundir cérebros e a aterrorizar corações com a sua mistura de pós-hardcore e spoken word que lhes tem valido comparações a bandas como Shellac, US Maple, Enablers e Slint e que promete não deixar ninguém indiferente. Estreiam-se em Portugal em plena digressão ibérica com os Decurs e consigo trazem o seu mais recente álbum “Divorce”, que tal como os discos anteriores foi gravado pelo enorme Steve Albini nos seus Electrical Audio Studios.

Os Decurs são um peculiar power-trio formado em Barcelona em Outubro de 2005, cuja música foi tomando forma ao longo dos anos até converter-se numa espécie de rock de estruturas disformes e polirritmias subtis com letras onde o pessoal, o político e o absurdo se misturam. Profundamente enraizados na cena DIY, criaram em 2008 o colectivo Ojalá Estë Mi Bici, com o qual já organizaram centenas de concertos e editaram inúmeros discos incluindo o seu último trabalho “Incendio”, lançado no ano passado. Vêm pela primeira vez a Lisboa depois dos memoráveis concertos que deram em Bragança e em Setúbal em 2010.

“A Bookshelf on Top of the Sky – 12 Stories about John Zorn” (2004 – 82 mins.)
Advertisements