Este sábado (16 de Novembro) a partir das 19h30 no Disgraça há a estreia em Lisboa dos Jars, power-trio de noise-rock de Moscovo que virá acompanhado pelo driver/promotor russo Denis Siggi Alekseev (dono da mítica carrinha Gazelle of Death na qual os infames dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS fizeram recentemente a Balalouka Tour) e que partilhará o palco com os Moloch, power-trio lisboeta de pós-hardcore/noise ! (+ info em baixo e aqui)

E entretanto continua disponível para escuta e download através da netlabel Partícula“60”, o segundo álbum de Kid, um dos projectos a solo do terapeuta do ruído e membro dos dSCi Boris Martins Nunes, aqui na sua faceta mais electrónica! Neste álbum Kid procura a respiração das 60bpm, numa amálgama de sons mais escuros e lentos que no seu primeiro álbum “20min”!

16 de Novembro | sábado | a partir das 19h30

Jars & Gazelle of Death (ru)
Moloch (pt)

Disgraça
Rua da Penha de França, 217 – Lisboa
entrada: contribuições livres – mínimo 3 DIYs | jantar vegano

A música dos Jars não é para fracos de coração: o noise-rock deste grupo russo é feroz, implacável e cruel, levando-nos de volta aos anos 90 e às bandas da editora Amphetamine Reptile, uma das mais influentes deste género. Mas se musicalmente fazem lembrar os seus congéneres norte-americanos, no entanto as letras são escritas em russo e contam estórias da vida de um “pequeno homem” que ainda aspira aos seus sonhos apesar das substâncias consumidas e da rotina diária.

Nascidos em 2014 entre Rio de Mouro e Lisboa, os Moloch são uma amálgama sonora que vai do pós-hardcore ao noise-rock em que se perfilam Luís Soares, André Martins e João Silveira (Burgueses Famintos). Lançaram em Junho de 2017, «Betta Splendens», o seu primeiro registo de estúdio e tocam sempre que podemonde os deixarem.